Arquivos da categoria: Quebra-Galho

O quebra galho são aquelas dicas para facilitar o seu dia a dia.

Manchou, e agora?

Não tem jeito, por mais cuidado que possamos ter é quase inevitável manchar a roupa.

Seja no almoço com o molho de tomate ou com um pingo que escapou da taça de vinho.

Mas calma, quase, tudo tem solução.

Confira algumas dicas espertas que vão facilitar a remoção das manchas:

Imediatismo

Para manchas acidentais, procure lavar imediatamente a peça evitando que sequem ou permaneçam por muito tempo em contato com o tecido.

Quanto maior for o tempo de permanência da mancha na roupa, maior será o ataque às fibras e o esforço para removê-la, podendo até desgastar o tecido. Evite também usar produtos de forma inadequada como, por exemplo, alvejantes comuns em peças coloridas.

Aguá quente x bicabornato

– O bicarbonato de sódio usado em diversas receitas culinárias tem o mesmo efeito de alguns produtos de limpeza, só que em menor escala. Em contato com as manchas, aquelas bolinhas que aparecem são, na verdade, gases que liberam a sujeira em uma reação química. O sódio é a base do sabão e de alguns outros produtos de limpeza.

Deixe a pasta de dente fora disso

– Muitas pessoas colocam pasta de dente em manchas, mas ela causa o efeito contrário, amarelando as peças. Dependendo da pasta pode até estragar o tecido, já que é um produto muito abrasivo. A água sanitária em grandes quantidades também prejudica, amarelando a roupa e ‘enfraquecendo’ o tecido.

 

Dicas para remover manchas específicas:

Gordura: A dica é aplicar farinha (ou talco) sobre a mancha. Deixe alguns minutos enquanto o produto absorve a gordura. Depois, basta limpar a farinha e manha terá sumido.

Maquiagem: Manchas de batom, pó ou corretivo podem ser retirados com sabão neutro. Basta esfregar a região manchada e deixar a peça de molho. Porém produtos de maquiagem à prova d’água podem ser mais difíceis.

Vinho: Lave o tecido e, em seguida, deixe-o de molho com uma mistura de água quente, sabão em pó e detergente alcalino. Você pode ainda polvilhar, na hora em que o vinho for derramado, bastante sal ou espremer suco de limão. Outra saída é esfregar a mancha de vinho tinto com vinho branco e, depois, lavar com água e sabão.

Suor: Lave o local com uma solução de álcool e amoníaco. Depois, limpe com água quente e deixe secar à sombra. Não use cloro, pois a substância pode endurecer e enfraquecer a fibra do tecido.

Frutas vermelhas: Lavar com água e sabão. Deixar de molho numa mistura de água sanitária e espuma de sabão. Se a mancha for profunda e não sair, lave com vinagre e álcool.

Confira mais dicas AQUI!

 

 

Como organizar a despensa de alimentos

De que vale dispor de um espaço nobre como a despensa, se os mantimentos vivem esparramados ou amontoados e, muitas vezes, com o prazo de validade vencido? A personal-assistant Heloisa Sundfeld, de São Paulo, sugere, a seguir, artimanhas para se colocar ordem nesse cantinho apetitoso da casa.

1. Reorganize a despensa antes de guardar as compras. Retire todos os produtos do local e avalie o que pode ser descartado – ou por estar com a validade vencida ou pela embalagem ter ficado aberta, estragando o conteúdo. Separe aqueles que vão vencer e os coloque sempre à frente dos outros, para não correr o risco de perdê-los.

2. Use uma das prateleiras para colocar alimentos já abertos e usados constantemente em refeições como almoço e jantar. Em outro espaço, guarde os itens usados para o café da manhã ou lanches da tarde. Faça a mesma divisão para itens fechados.

3. Procure colocar os temperos dentro de uma caixinha, um ao lado do outro, caso estejam fechados. Se abertos, providencie potinhos de vidro ou algum recipiente. O mesmo vale para qualquer produto depois de aberto, devendo ser colocado em potes herméticos para sua perfeita conservação. Para não se confundir, nomeie o conteúdo do pote e coloque a data de validade.

4. Para evitar acidentes, a lataria deve ficar em prateleira próxima do chão. Divida-a entre produtos doces, como leite condensado, goiabada, entre outros, e salgados, como ervilha, milho, etc.

 

(fonte: http://mdemulher.abril.com.br)

5 passos para organizar o ambiente

São apenas algumas simples regrinhas, mas que podem contribuir e muito para deixar qualquer ambiente em ordem.

Vamos lá!

1º – Descarte:

Pratique o desapego não juntando coisas que, mesmo que você insista em ter, acaba nunca usando.

2º – Separar por grupo:

O que é vai para conserto em uma cesta, o que vai para doação em outra.

3º – Limpeza:

Antes de recolocar os objetos em seus devidos lugares, limpe os armários e estantes. Só guarde o que estiver higienizado.

4º – Classificação:

Por cor, por utilidade, por tamanho, como você desejar.

5º – Acomodação:

Dobre as roupas, organize os objetos em cestos, caixa, cabides e guarde-os.

Para lembrar do resultado da arrumação e repeti-la sempre, tire fotos do “antes e  depois”.

 

Com a casa organizada, você agiliza e bastante seu dia a dia!

Cuidados com seus sapatos – Parte II

Hoje tem mais dicas para deixar seus sapatos, e de toda a família, em perfeito estado.


ODOR — Tire o mau cheiro dos sapatos usando talco boratado.
Se o sapato estiver com mau cheiro por dentro (chulé), polvilhe dentro dele (e nos pés também) um pouco de polvilho anti-séptico ou um pouco de bicarbonato e… adeus, mau cheiro.

LIMPAR e LUSTRAR — Se um sapato de cor clara ficar com manchas escuras, esfregue o local com batata crua, que elas desaparecerão. Você também poderá usá-la para esfregar os sapatos de passear, com que as crianças, inadvertidamente, jogaram uma pelada ou futebol. Ficarão como novos.

Mas, se quiser ter seus sapatos de couro (qualquer couro) sempre limpos e brilhantes, passe neles um produto lustra-móveis líquido, ou use spray de limpar vidros. Vão ficar tinindo.

ENGRAXAR — Quando tiver necessidade de engraxar um sapato, e a lata de graxa estiver vazia, aproveite um restinho de cerveja que sobrou na garrafa e embeba, com ele, um pano, passando em seguida no sapato. Esse é um bom quebra-galho. Depois, é só lustrar.

Um pouco de querosene e leite morno acrescentados à graxa redobram o brilho e a maciez dos sapatos. Uma colher de álcool que se juntar à graxa terá o mesmo efeito. Na falta de uma flanela, experimente lustrar os sapatos com uma bolinha de meia de náilon velha; o resultado é surpreendente.

BRANCOS — Devem ser limpos cuidadosamente com uma esponja úmida.

Sapatos brancos ficarão bem limpos e brilhantes se forem esfregados com algodão embebido (e espremido) em líquido clareador tipo água oxigenada; porém, deve-se ter o cuidado de não molhar demais.
Esses sapatos brancos de couro também ficarão limpinhos passando-se leite com sabão de coco.
Para os de couro plástico, nada melhor do que lavar com água e sabão; mas, se persistir alguma sujeira que estiver mais grudada, troque a escova por esponja de aço, sem contudo esfregar com muita força. Depois de enxaguados, enxugue-os com um pano e deixe acabar de secar ao ar livre.

 

Confira mais dicas aqui!

Fonte: Sebastiana Quebra-Galho

Cuidados com os sapatos – Parte 1

Confira dicas preciosas para deixar seus sapatos lindos, confortáveis e em perfeito estado:


MOLHADO — Um sapato molhado não se seca ao calor do fogo ou ao sol, porém com jornais amassados dentro dele. Os jornais absorverão toda a umidade, impedindo que se deformem.
Mas os sapatos de couro, quando molhados, tornam-se rígidos e ásperos. Para que voltem ao normal, isto é, fiquem macios novamente, esfregue neles um pedaço de pano umedecido com óleo de parafina.
Se já estiverem manchados de água, espere que fiquem úmidos, para então esfregar vigorosamente com um pano de lã. Depois, aplicar graxa incolor e lustrar.
Se o couro estiver muito endurecido, passe uma camada fina de vaselina.

ALARGAR — Para alargar um sapato apertado, basta umedecê-lo bem, por dentro, com álcool ou água, e enchê-lo com papel amassado e também umedecido, apertando bem, deixando assim por 12 horas; retirar os papéis e calçá-lo ainda úmido, dando assim a forma do pé.
Um envelope dobrado substitui a calçadeira perdida.

RANGER — Sapatos que rangem: esfregar no couro um pouco de óleo de linhaça aquecido. Esse mesmo óleo ou o de rícino quente, passados nas solas e saltos, farão com que os sapatos durem muito mais tempo.

AMACIAR — Se o couro for duro, amacie-o esfregando um pano embebido em azeite. Também o óleo de rícino passado no couro do sapato torna-o impermeável por algum tempo. Quando um sapato novo estiver escorregando, basta raspar um pouco a sola (com uma faca mesmo). Para evitar o mofo e a umidade nos sapatos, forre o lugar em que ficarem guardados no armário, com tiras de mata-borrão.

 

Na próxima semana tem mais dicas para cuidar dos sapatos!!

 

Fonte: Sebastiana Quebra-Galho

Dicas para as receitas com chocolate

Com a Páscoa chegando, um produto que se destaca nessa época é o chocolate.  Apesar de ser um ingrediente que faz sucesso o ano todo, nesse período a procura ainda é maior.

Seja dos tradicionais ovos de Páscoa ou para fazer alguma receita especial para a data festiva. Porém o chocolate pode ser um material um pouco complicado de se mexer, por isso estão aqui algumas dicas que vão facilitar o preparo:

*Nos bolos de chocolate (ver bolos), acrescentar à massa 1 ou 1/2 maçã ralada, dependendo da quantidade; também poderá juntar à massa 1 colher de café bem forte.Tanto um quanto o outro servirão para que o bolo, depois de pronto, não fique ressecado, dando-lhe também um ótimo sabor.

*Ao derreter chocolate para fazer caldas ou glacês, acrescente uma bolinha de manteiga, que a massa não grudará na panela.

* Quando tiver que ralar chocolate, principalmente se for em tiras ou escamas, deixe-o antes pelo menos 2 horas na geladeira, em sua própria embalagem; assim ele ficará duro, facilitando o trabalho.

* Ao ralar, faça-o segurando no invólucro, para evitar que o chocolate se derreta com o calor da mão. Se ralar no liquidificador, corte-o primeiro em pedacinhos.

*Na falta de uma barra de chocolate exigida na receita que já começou a fazer, substitua-a por chocolate em pó, calculando da seguinte maneira: 30 gramas de chocolate em barra equivalem a 3 colheres (sopa) de chocolate em pó e 1 colher (sopa) de manteiga ou margarina. Derreta a manteiga ou margarina em banho-maria, dissolva bem o choco late em pó e empregue frio ou quente, conforme a receita pedir.

*Os bombons e chocolates em barra, pedaços, ovos (de Páscoa) ou bichinhos se conservarão perfeitos e durinhos se forem guardados na geladeira, dentro de seus próprios invólucros ou embalagens, ou bem cobertos com plástico, papel alumínio e em caixas plásticas bem fechadas, ou ainda nas próprias caixas dos bombons.

Fonte: Sebastiana Quebra Galho

Três aliados que você pode ter na limpeza da casa

Alguns produtos naturais podem auxiliar na limpeza da casa e ainda fazem bem ao bolso com a economia que fazemos.

O vinagre, o bicarbonato de sódio e o limão pode ser grandes aliados da dona de casa.

Confira as funções que eles podem ter :

Vinagre
Além de ser bactericida, serve como desengordurante de diversas superfícies, removendo manchas e odores fortes e limpando panelas, azulejos, vidros, espelhos e vasos sanitários. É só preparar uma solução com uma colher de vinagre em um litro de água e esfregar a superfície com um pano limpo.

Bicarbonato de Sódio
Dissolvido em água, substitui os produtos de limpeza do banheiro, podendo ser usado para esfregar a louça e os azulejos (esfregue pela superfície, deixe agir por uma hora e enxágue). Também limpa panelas manchadas: é só colocá-lo na panela e levá-la ao fogo até ferver

Limão
É muito eficiente para eliminar manchas em tecidos e em madeiras. Assim como o vinagre branco, é bom para remover sujeiras das superfícies, especialmente gorduras.

Organize sua cozinha!

Entre as famosas promessas de início de ano geralmente está a organização da casa ou do trabalho.

Um dos cômodos que funciona melhor com organização é a cozinha, selecionamos algumas dicas que vão te ajudar nessa empreitada.

Reposição – Vá anotando dia a dia os produtos que vão acabando na despensa, para ter uma lista semanal ou mensal do que deve ser reposto. Você pode colocar a lista na geladeira e pedir ajuda para os filhos e marido fazerem anotações caso seus produtos preferidos acabem.

Compra consciente – Programe-se para ir ao supermercado somente com a lista de compras atualizada. Antes de sair, cheque nos armários os itens que precisa e as quantidades.

Louça em dia –  Resista à tentação de deixar a louça para lavar depois. Louça suja na pia passa impressão de desorganização e causa mal cheiro na cozinha. Assim que terminar a refeição, lave, seque e guarde toda a louça. Você pode pedir ajuda familiar fazendo uma escala semanal, na qual seus filhos crescidos ou o marido sequem a louça para você. Enquanto você vai lavando e eles vão secando, vocês colocam o papo em dia. Que tal?

Armazenamento correto – Invista em potes de vidro para guardar restos de comida, porque assim pode-se ver o conteúdo sem precisar abrir. Você economiza tempo. Outra vantagem dos potes de vidro é que são ótimos para ir ao microondas, pois o vidro conduz o calor melhor do que os plásticos. Você economia energia elétrica e reduz o tempo de preparo do alimento.

Evite a madeira – Substitua – mesmo que aos poucos – todos os utensílios de madeira (escumadeiras, conchas) pelos de plástico ou alumínio. Os de madeira acumulam microorganismos que podem fazer mal à saúde da sua família.

10 dicas para ter um Natal tranquilo e sem estresse

Nem sempre o final de ano é festa, é o trânsito que piora, as lojas ficam abarrotadas, o trabalho aumenta com os feriado. Tudo isso resulta no estresse de fim de ano.

De acordo com a Isma-BR (Internacional Stress Management Association do Brasil), associação voltada para o estudo do estresse, aponta que o nível de estresse dos brasileiros no fim de ano aumenta em 75%.

Há algumas atitudes que podem melhorar isso e transformar as festas de fim em celebrações realmente felizes.

Confira:

1 – Priorize: Dedique algum tempo para refletir sobre o que é realmente importante para você e estabeleça objetivos globais para o período. Identificar claramente uma meta é um passo importante para evitar uma agenda tumultuada.

2 – Organize: Planejamento é a palavra-chave para passar pela temporada de férias de forma tranquila. Deixar algumas horas extras para imprevistos ajuda a evitar desgastes

3 – Diga não: Sabendo o que realmente importa para você e o que cabe nos seus dias, recuse novas tarefas que não poderá cumprir.  O indeciso, por medo de escolher, acaba deixando passar o que não pode esperar.

4 – Inove: Faça o melhor possível, mas não exija demais de você, nem se culpe se o resultado não for absolutamente perfeito.

5 – Mantenha o foco: Nesta época, é comum que carga de trabalho cresça, com os balanços do ano que está acabando e com o planejamento de 2012.  Assim, você aprende a controlar bem o seu dia e, por consequência, sobra mais tempo para outros compromissos

6 – Controle os gastos: A fatura do cartão de crédito e os cheques pré-datados podem até chegar só em janeiro, mas o estresse de saber que você está gastando demais aparece na hora. A solução é bem simples: faça um planejamento financeiro e tenha disciplina para segui-lo

7 – Durma bem: Com amigos secretos e tantos compromissos extras, tão comuns nas empresas durante o mês de dezembro, o sono muitas vezes acaba sacrificado. O cérebro descansa durante o sono e quem não dorme o suficiente já acorda estressado.

8 – Exercite-se: Excessos etílicos e gastronômicos estragam o dia seguinte. Os exercícios, em compensação, dão mais disposição. Se a sua lista de tarefas cresceu, é preciso estar bem disposto fisicamente.  Por isso evite extravagâncias que possam provocar danos à saúde.

9 – Respire: O trânsito estará péssimo, as lojas, os restaurantes e os bares estão apinhados. É possível manter a calma o meio ao “caos” se a pessoa se concentrar no que está fazendo. Alguns truques podem ajudar, como cantar, ouvir música clássica, fazer um exercício de respiração. Caso tudo isso realmente tire você do sério, o melhor é buscar outras alternativas, como evitar o trânsito fazendo compras perto de casa.

10 – Aproveite: Você fez suas escolhas e tentou se organizar da melhor maneira possível. Mesmo que alguma coisa não dê certo, tente aproveitar os bons momentos. O aspecto de celebração, confraternização, que é o essencial dessa época, não deve ficar esquecido.

 

Fonte: www.uol.com.br

Saiba como espantar mosquitos, moscas e pernilongos da sua casa

Quem é que não se incomoda com os mosquitos, pernilongos e moscas que invadem o verão. Estamos na primavera ainda, mas com esse calor eles já apareceram.

Algumas dicas podem afastá-lo da sua casa, confira:

– Um pedaço de cânfora queimado sobre um pires pode ser uma ótima maneira para espantá-los.

– Se os mosquitos atrapalham o sono, coloque à cabeceira da cama um sachê de raminhos de alfazema, ou vaporize algumas gotas da essência dessa erva nas fronhas.

– Afugente as moscas passando querosene nos vidros, ou poderá usar a seguinte mistura:

– Um pé de arruda ou mesmo um galhinho seco desta planta na cozinha é tiro e queda para as moscas.

-Para afugentar os mosquitos que querem pousar nos alimentos, coloque sobre a mesa um prato contendo leite ou vinagre com pimenta. Para que não pousem sobre a carne que está descoberta, coloque em cima dela um pedaço de cebola.

-Para fazer o repelente natural, misture 100 gramas de folhas de manjericão, 100 gramas de citronela e um litro de álcool no liquidificador. Depois, bata tudo, coe e coloque em um recipiente fechado. Basta pulverizar o ambiente uma vez por dia.